Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Moçambique e China acordam cooperação desportiva

Moçambique e China acabam de rubricar um memorando de entendimento através do qual os dois países passam a implementar acções conjuntas com vista a viabilizar a cooperação e troca de experiências e formação técnica de dirigentes desportivos moçambicanos.

O memorando que foi rubricado, segunda-feira, em Maputo, pelo Ministro da Juventude e Desportos, Pedrito Caetano, e pelo director geral adjunto do Desporto da China, Yu Zaiqinq, vai viabilizar a formação técnica de moçambicanos nas modalidades de futebol, basquetebol e artes marciais.

Falando na ocasião, Pedrito Caetano, disse que com base neste memorando atletas moçambicanos poderão estagiar nos centros de alto rendimento chineses o que é uma mais valia para o país na formação de desportistas que vão representar Moçambique além fronteiras.

“Vai trazer uma mais valia para o país, porque vamos passar a incluir no plano anual conjunto as actividades que nos propomos a realizar. Esta iniciativa vai também viabilizar o apoio técnico e em equipamentos por parte da China aos Jogos Africanos”, disse o ministro.

Para o efeito, segundo clarificou Caetano, é preciso remeter a contraparte chinesa a lista de equipamentos e materiais necessários para o devido fornecimento, facto que este protocolo vai viabilizar.

As relações de cooperação entre Moçambique e China datam desde os tempos da luta de libertação nacional mas que, segundo Caetano, nos últimos anos estão a ser alargadas a área desportiva, necessitando de um documento guia que é o memorando rubricado, segunda-feira.

“Em 2008, a China fez uma abertura nesta cooperação ao viabilizar a construção do Estádio Nacional inaugurando no dia 23 de Abril último, pelo Presidente da República, Armando Guebuza”, disse Caetano.

Com base no memorando rubricado, segundo Yu Zaiqinq, foram acordados os princípios e as disciplinas abrangidas na área de cooperação desportiva abrindo-se, desta forma, uma nova etapa de troca de experiências e comunicações entre as duas partes.

Yu Zaiqinq explicou que esta iniciativa surge em resposta a visita que o ministro moçambicano do pelouro efectuou a China, em Março último durante a qual as partes concordaram em incrementar cada vez mais a cooperação e comunicação na área desportiva.

A delegação de desportos da China que se encontra em Moçambique, desde sexta-feira, tem agendada uma visita ao Estádio Nacional. A delegação deixa ainda hoje a capital moçambicana de regresso a China

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!