Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Milhares de menores migrantes clandestinos desaparecem de centros de acolhimento na Itália

O ministro italiano dos Negócios Estrangeiros, Alfano Angelino, anunciou quinta-feira o desaparecimento de milhares de menores não acompanhados pelos seus pais dos centros de acolhimento de migrantes na Itália.

Falando durante uma reunião organizada na ilha italiana de Sicília sobre a luta contra a máfia, o chefe da diplomacia italiana precisou que “estas informações obtidas até 31 de dezembro último sobre o desaparecimento destes menores foram dadas pelo Ministério italiano do Trabalho”.

Ele precisou que “só na ilha de Sicília mil e 882 menores sem acompanhamento dum total de quatro mil e 628 desapareceram dos centros de acolhimento”.

Alfano Angelino afirmou que a idade da maioria destes menores varia entre os 16 e os 18 anos, sublinhando que eles são geralmente explorados pela máfia.

Um relatório da Agência de Proteção das Fronteiras Europeias “Frontex” indicou que cerca de 71 mil embarcações de migrantes clandestinos chegaram às costas italianas provenientes da Líbia em 2014, ou seja mais 200 do que o número registado em 2013.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!