Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Mil e 500 migrantes socorridos ao largo da Líbia

Os guardas costeiros italianos anunciaram terem socorrido mil e 500 migrantes em 48 horas ao largo das costas da Líbia, incluindo crianças e mulheres, ilustrando o recrudescimento do fenómeno da imigração com a melhoria das condições climáticas.

Responsáveis italianos, citados terça-feira por jornais líbios, indicaram que os guardas costeiros italianos coordenaram as operações de salvamento em redor da costa líbia domingo e segunda-feira, sem dar as nacionalidades dos migrantes. Os guardas costeiros salvaram 730 migrantes domingo e 752 segunda-feira, inlcuindo várias mulheres e crianças, revelou a mesma fonte.

A Agência dos Refugiados das Nações Unidas (ACNUR) declarou que perto de 14 mil imigrantes chegaram à Italia pela Líbia desde o início deste ano, ou seja um aumento de 42,5 porcento em relação ao mesmo período do ano passado.

Os dirigentes europeus receiam que o resultado do acordo com a Turquia para impedir a chegada dos migrantes através da Grécia apenas aumente o fluxo de migrantes que atravessam a Líbia para a Europa. A operação Sofia proposta pela União Europeia (UE) obteve a aprovação das Nações Unidas em Outubro passado para operações militares relativas à detenção e à destruição dos barcos usados pelas redes de passadores de migrantes e contrabando.

País de destino e de trânsito da migração clandestina, a Líbia está desorganizada devido ao caos de segurança que reina no país desde a destituição em 2011 do regime de Muamar Kadafi e de todos os órgãos de segurança e as instituições do Estado.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!