Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Michael Phelps é suspenso por 6 meses pela federação dos EUA depois da prisão

O nadador norte-americano Michael Phelps, o atleta olímpico com mais medalhas, foi suspenso por seis meses pela federação de natação dos Estados Unidos, esta segunda-feira (6), depois da sua recente prisão sob acusação de conduzir embriagado.

Phelps, que recentemente voltou à competição de alto nível depois de uma aposentadoria de dois anos, também não será autorizado a representar os EUA no Campeonato Mundial de Natação na Rússia em Agosto do próximo ano, disse a federação norte-americana num comunicado.

A prisão na última terça-feira foi a segunda vez que o nadador de 29 anos foi detido por conduzir embriagado. No primeiro caso, em 2004, ele fez um acordo e declarou-se culpado em troca de 18 meses em liberdade condicional.

“A associação de natação dos EUA, e em particular a selecção principal, tem a obrigação clara de aderir ao nosso Código de Conduta”, disse o director-executivo da federação, Chuck Wielgus, em comunicado.

“No caso da ocorrência de uma infracção, é nossa responsabilidade tomar as medidas adequadas com base no caso individual. A conduta de Michael foi grave e exigia consequências significativas.”

Phelps foi detido na semana passada, depois de passar a 135km/h numa área em que o limite era de 72km/h, ter cruzado a linha de mão dupla de um túnel em Baltimore e, em seguida, não ter passado no teste do bafómetro, segundo a polícia.

O nadador desculpou-se pelo incidente e disse no domingo que faria outra pausa na sua carreira para passar por um tratamento de seis semanas a fim de “entender melhor a mim mesmo”.

Retornando recentemente de um período de dois anos de aposentadoria, Phelps, ganhador de 22 medalhas olímpicas, sendo 18 de ouro, competiu pela primeira vez em Abril, em torneio menor, em Phoenix, e o seu progresso estava a ser constante, muito mais do que impressionante.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!