Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

ADVERTISEMENT

Mais 5 crianças infectadas pela covid-19 em Moçambique onde subiram para 609 os casos positivos

coronavirus1506-rmarlene

Subiram para 609 os casos positivos do novo coronavírus diagnosticados em Moçambique desde o início da pandemia, entre os 26 novos pacientes detectados nesta segunda-feira (15) cinco são crianças e um é de nacionalidade cubana.

Por Adérito Caldeira

A Directora Nacional de Saúde Pública anunciou que dos 961 casos suspeitos testado entre domingo e segunda-feira 26 foram positivos para covid-19. “Assim o nosso País tem cumulativamente 609 casos positivos registados, dos quais 548 de transmissão local e 61 casos importados”.

“Os casos que estamos a reportar hoje incluem 25 indivíduos de nacionalidade moçambicana e um individuo de nacionalidade estrangeira. A distribuição dos casos novos por província, é a seguinte Cabo Delgado tem quatro casos, Nampula tem onze casos, Província de Maputo tem um caso e Cidade de Maputo tem dez casos”, detalhou a Dra. Rosa Marlene.

O @Verdade apurou que o cidadão estrangeiro diagnosticado é de nacionalidade cubana e será mais um profissional de saúde infectado pelo novo coronavírus em Moçambique.

Contas feitas pelo @Verdade indicam que com os novos doentes a Província de Cabo Delgado passou a ter um cumulativo de 195 casos positivos, a Província de Maputo 56 e a Cidade de Maputo tem agora 93.

Já na Província de Nampula, com transmissão comunitária activa, passaram a ser 190 os casos positivos tendo sido internado mais um indivíduo infectado. “Nós demos uma alta em Nampula durante o fim-de-semana mas tivemos uma nova entrada, é uma gestante que já se tinha diagnosticado a covid-19, apareceu com um novo sintoma e não que seja grave mas decidiu-se mante-la em internamento para garantir melhor controlo”, explicou a Dra Rosa Marlene.

73 crianças diagnosticadas com a covid-19 em Moçambique

Ao contrário do perfil nacional de doentes 61 por cento dos indivíduos diagnosticados na Província de Nampula apresentam sintomas do novo coronavírus, 8 por cento com sintomatologia moderada. Este perfil, de acordo com o Director-Geral do Instituto Nacional de Saúde “é uma das características também da transmissão comunitária, nós cremos que o facto de estarmos a verificar uma transmissão com maior intensidade na Cidade de Nampula leva também ao surgimento de indivíduos com uma carga viral maior e que pode resultar mais em sintomatologia”.

“Mas também pode-se dever ao facto de que uma grande parte dos caso são ainda identificados pelo rastreio na unidade sanitária. E pelo rastreio na unidade sanitária evidentemente encontramos pessoas que vão a unidade sanitária porque tem uma sintomatologia de infecção respiratória”, explicou no domingo (14) o Dr. Ilesh Jani no balanço das 12 semanas epidemiológicas da covid-19 em Moçambique.

Entretanto a Directora Nacional de Saúde Pública discriminou que dos casos novos, que se encontram em isolamento domiciliar, 13 são do sexo masculino e 13 do sexo feminino, três casos estão acima dos 45 anos de idade, três na faixa etária de 35-44, 13 casos estão na faixa etária de 25-34 anos, dois são adolescentes e jovens na faixa etária de 15-24 anos e cinco são crianças menores de 14 anos de idade.

Com estes novos casos ascende a 73 o cumulativo de crianças diagnosticadas com a covid-19 no nosso país.

A autoridade de Saúde Pública anunciou ainda qua mais seis moçambicanos estão totalmente recuperados da covid-19 elevando para 157 o cumulativo de pacientes totalmente recuperados no nosso país.

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: Content is protected !!