Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Mais 18 vítimas de acidentes de viação foram a enterrar em Moçambique

Dezoito pessoas morreram e outras 52 ficaram feridas, 25 das quais com gravidade, devido a 26 sinistros rodoviários ocorridos na semana passada, em diferentes estradas moçambicanas.

Tal como a semana anterior a que nos referimos, em que houve 24 registos de excesso de velocidade, num total de 25 acidentes, desta vez os condutores não variam tanto, tendo protagonizado 11 casos. Trata-se de um problema do dia-a-dia no país e longe de ser estancado.

A respeito deste problema, Orlando Modumane, porta-voz da Polícia da República de Moçambique (PRM) na cidade de Maputo, admitiu, na segunda-feira (22), que, apesar da sensibilização e da educação cívica “continuamos a registamos muitos acidentes de viação, sobretudo atropelamentos” por veículos.

Ele voltou a apelar aos condutores para que se façam à via pública com responsabilidade e, também, os peões devem se precaver e circular pelos locais a si reservados de modo a evitar serem arrastados por carros, ou na pior das hipóteses esmagados.

Por sua vez, o Comando-Geral da PRM indica que, dos 26 acidentes de viação da semana passada, 12 consistiram em atropelamentos, cinco má travessia de peões e 39 pessoas detidas por condução ilegal, numa operação da Polícia de Trânsito (PT) que abrangeu 52.534 viaturas.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!