Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Mais 18 vítimas de acidentes de viação foram a enterrar em Moçambique

Dezoito pessoas morreram e outras 52 ficaram feridas, 25 das quais com gravidade, devido a 26 sinistros rodoviários ocorridos na semana passada, em diferentes estradas moçambicanas.

Tal como a semana anterior a que nos referimos, em que houve 24 registos de excesso de velocidade, num total de 25 acidentes, desta vez os condutores não variam tanto, tendo protagonizado 11 casos. Trata-se de um problema do dia-a-dia no país e longe de ser estancado.

A respeito deste problema, Orlando Modumane, porta-voz da Polícia da República de Moçambique (PRM) na cidade de Maputo, admitiu, na segunda-feira (22), que, apesar da sensibilização e da educação cívica “continuamos a registamos muitos acidentes de viação, sobretudo atropelamentos” por veículos.

Ele voltou a apelar aos condutores para que se façam à via pública com responsabilidade e, também, os peões devem se precaver e circular pelos locais a si reservados de modo a evitar serem arrastados por carros, ou na pior das hipóteses esmagados.

Por sua vez, o Comando-Geral da PRM indica que, dos 26 acidentes de viação da semana passada, 12 consistiram em atropelamentos, cinco má travessia de peões e 39 pessoas detidas por condução ilegal, numa operação da Polícia de Trânsito (PT) que abrangeu 52.534 viaturas.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!