Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Liga Zon Sagres: FC Porto vence em Setúbal com dois golos de Jackson e um de Lucho

O FC Porto foi nesta Quarta-feira vencer o Vitória de Setúbal, no Bonfim, por 3-0, jogo em atraso da 12.ª jornada da I Liga de futebol, no qual sentiu mais dificuldades do que o resultado espelha.

O campeão nacional adiantou-se no marcador logo aos nove minutos, por Jackson Martinez, na transformação de uma grande penalidade, tendo o mesmo Martinez bisado, aos 86 minutos, e Lucho Gonzalez sentenciado a partida, aos 90+1.

A vencer desde muito cedo e logo no seu primeiro lance de perigo, o campeão nacional não mudou o ritmo lento da partida, muito disputada a meio-campo, mas sem lances de grande perigo, embora com ligeiro ascendente visitante.

O Vitória de Setúbal procurava responder em jogadas de contra-ataque rápido e foi num justamente num lance de contra-ataque que Meyong desperdiçou a possibilidade de responder ao golo de Jackson, O ponta de lança do Vitória de Setúbal ainda conseguiu desembaraçar-se de Mangala, mas acabou por rematar à figura do guarda-redes Helton.

O FC Porto não fazia jus ao título de campeão nacional no Bonfim e o Vitória de Setúbal aproveitava para tentar surpreender a equipa de Vítor Pereira, acabando mesmo por ser a equipa mais ofensiva nos últimos minutos da etapa inicial.

No reatamento, o FC Porto quase chegava ao segundo golo nos instantes iniciais, com Maicon a falhar por muito pouco o desvio para a baliza, após um livre cobrado por João Moutinho. O FC Porto parecia determinado a resolver a partida nos primeiros minutos do segundo tempo, mas o jogo voltou a entrar numa toada morna, sem grandes rasgos, muito por culpa da equipa portista, mais interessada em gerir a vantagem alcançada na grande penalidade.

Recentemente considerado o melhor árbitro do Mundo, Pedro Proença, que na primeira parte já tinha assinalado a grande penalidade que deixou dúvidas aos adeptos vitorianos, acabou por ser mais um dos protagonistas do jogo, ao mostrar o segundo cartão amarelo a dois jogadores do Vitória de Setúbal – Bruno Galo, que esteve em campo apenas seis minutos, e Jorginho.

Com mais dois jogadores em campo do que o adversário, o FC Porto não teve dificuldade em consolidar o triunfo e confirmar a tradição de vencer quase sempre em Setúbal. Aos 86 minutos, Jackson aproveitou para bisar e fazer o 2-0, com um remate de pé esquerdo, a corresponder a um bom passe do defesa Mangala, que jogou toda a segunda parte no corredor esquerdo.

Graças aos dois golos que marcou em Setúbal, Jackson assumiu o comando da lista dos melhores marcadores.

O resultado final de 3-0 teve a assinatura de Lucho González, que correspondeu a um bom passe de Alex Sandro e “selou” mais um triunfo do FC Porto.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!