Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Líderes comunitários devem mobilizar mulheres para maternidade

A Primeira-Dama moçambicana, Maria da Luz Guebuza, apelou, terça-feira, em Moamba, província sulista de Maputo, os líderes comunitários locais a mobilizarem as mulheres grávidas da comunidade a dirigirem-se à maternidade no momento do parto.

Falando durante um encontro com as autoridades comunitárias do distrito da Moamba, a Esposa do Presidente da República destacou o impacto a resultar dessas campanhas na redução dos índices de mortalidade materno-infantil.

“Nós não queremos que a mãe ou o bebé morram durante o parto. Quando as mulheres dão a luz na maternidade não se perde nenhuma vida humana e a mãe continua a contribuir para o desenvolvimento do país”, disse.

Igualmente, Maria da Luz Guebuza disse que as mulheres grávidas devem ser mobilizadas para se dirigirem à maternidade logo depois de contrair a gravidez e seguir o devido acompanhamento médico até dar a luz.

Essa assistência é mais importante ainda para as mulheres vivendo com HIV/ SIDA, pois assim conseguem evitar que o seu bebé nasça com esta doença.

Ainda no mesmo encontro, a Primeira-Dama apelou os líderes comunitários a difundirem, na comunidade, mensagens sobre a importância da protecção da criança e da pessoa idosa.

“Não devemos ver a criança como um objecto”, disse ela, acrescentando que “nós já vimos situação de pais que chegam a vender os seus próprios filhos a troco de dinheiro. Não devemos tratar a criança como mandioca ou batata que hoje podemos vender e plantar outra…”, advertiu.

Ela apelou os pais a nunca permitirem que os seus filhos deixem de estudar e desloquem-se a África do Sul (que faz fronteira com o país também através do distrito da Moamba) alegadamente a procura de emprego, porque lá podem encontrar o pior sofrimento.

“Os pais têm que garantir que as crianças vão a escola. Devem estar preocupados com a educação da criança”, disse ela, sublinhando igualmente a importância do papel dos líderes comunitários na promoção da protecção da criança.

Este encontro com líderes comunitários marca o início da visita da Primeira-Dama ao distrito da Moamba, inserida no trabalho que ela vem realizando na província de Maputo desde Segunda-feira última.

Na Segunda-feira, primeiro dia desta visita de quatro dias, Maria da Luz Guebuza manteve encontros com a população e lideres do distrito de Boane, bem como escalou diversas organizações de interesse social, incluindo o Centro de Saúde de Boane e o Centro de Acolhimento (de crianças) “Mamana WaKurhula”.

Ainda terça-feira, a Esposa do Presidente da República vai visitar o Centro de Costura e Alfabetização de Ressano Garcia, um posto administrativo do distrito de Moamba, o Centro de Acolhimento de Crianças de Maguaza, Centro de Alfabetização e Educação de Adultos de Tenga, entre outras instituições de interesse social.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!