Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

La Liga: Suárez faz novo “poker” e mantém Barça na liderança

O FC Barcelona segurou neste sábado a liderança da Liga espanhola de futebol, ao receber e golear o Sporting de Gijón por 6 a 0, com quatro golos do uruguaio Luis Suárez, em encontro da 35ª jornada. Após os triunfos tangenciais de Atlético de Madrid (1 a 0 ao Málaga) e Real Madrid (3 a 2 no reduto do Rayo Vallecano), o Barça respondeu com nova goleada, continuando na frente, com 82 pontos, os mesmos dos “colchoneros” e mais um do que os “merengues”.

Suárez, que havia conseguido um “póquer” a meio da semana, na Corunha (8 a 0), voltou a marcar quatro, aos 63, 74, 77 e 88 minutos, o segundo e o terceiro de penálti. O uruguaio ascendeu à liderança dos melhores marcadores da prova e da “Bota de Ouro”, somando mais três do que o português Cristiano Ronaldo (Real Madrid), ausente, e do que o brasileiro Jonas (Benfica), que entra em acção no domingo.

O argentino Lionel Messi, aos 12 minutos, e o brasileiro Neymar, aos 86, no terceiro penálti da noite a favor dos catalães, apontaram os outros tentos.

Os seis golos de diferença “escondem”, porém, uma exibição intermitente do Barça que sofreu muito na primeira hora, até conseguir chegar ao segundo golo.

No Vicente Calderón, um golo solitário do suplente argentino Ángel Correa, aos 62 minutos, selou mais um triunfo pela margem mínima dos “colchoneros”, perante o Málaga.

O Atlético de Madrid manteve-se em igualdade pontual com os “calalães” e um ponto à frente do Real Madrid, que venceu no reduto do Rayo Vallecano por 3 a 2, depois de estar a perder por 2 a 0.

Na ausência de Cristiano Ronaldo, lesionado, o galês Gareth Bale foi a grande figura do encontro, ao marcar dois golos, incluindo o da vitória, aos 81 minutos, depois de uma preciosa assistência do jogador local Adri Embarba.

Bale também marcou aos 35 minutos, enquanto Luzas Vázquez apontou o segundo dos “merengues”, aos 52, 11 depois de substituir o francês Karim Benzema, que saiu lesionado.

Pela equipa da casa, que contou com 90 minutos com o português Bebé, marcaram Adri Embarba, aos sete minutos, e o venezuelano Nicólas Fedor, aos 14.

O Rayo Vallecano manteve-se com 35 pontos, no 16º lugar, mas os seus perseguidores ainda não jogaram.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!