Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Kingston decreta estado de emergência para enfrentar gangues

A Jamaica decretou este domingo o estado de emergência na região de Kingston, diante da violência deflagrada pelas gangues da capital, que tentam impedir a prisão de um líder criminoso Um policial e um civil foram feridos por disparos durante tiroteios nas ruas, e as gangues atacaram três delegacias na cidade, segundo as autoridades.

Uma delegacia foi incendiada após ser abandonada pelos policiais, que ficaram sem munição para defender o local. O primeiro-ministro jamaicano, Bruce Golding, reuniu o gabinete e decidiu decretar o estado de emergência para Kingston e St.Andrews, por um período de um mês.

As gangues de Kingston revoltaram-se contra a operação da polícia para prender Christopher “Dudus” Coke, alvo de um pedido de extradição dos Estados Unidos. “Dudus”, 42 anos, lidera a maior gangue de narcotráfico da Jamaica, a Shower Posse, que tem ramificações nos Estados Unidos e fornece maconha, cocaína e crack.

Os incidentes começaram durante a semana, quando o governo aprovou a extradição de Christopher “Dudus” Coke, que além de chefe do narcotráfico é lider comunitário do subúrbio de Tivoli Gardens, uma das zonas mais perigosas da Jamaica. Neste domingo, diante da notícia de que policiais fariam uma operação em Tivoli Gardens a procura de “Dudus”, as gangues deflagraram uma série de ataques contra a polícia.

Em Washington, o departamento de Estado pediu aos cidadãos americanos que evitem viajar à Jamaica devido aos distúrbios na capital.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!