Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Kadafi prepara tropas para batalha estratégica por Trípoli

Kadafi prepara tropas para batalha estratégica por Trípoli

O ditador líbio Muammar Kadafi acumula tropas na capital do país, Trípoli. Entricheirado na cidade, Kadafi espera que os grupos de oposição iniciem já esta sexta-feira a batalha pelo domínio da capital, cuja perda pode significar a derrocada do regime do coronel, em vigor desde 1969.

A comunidade internacional aguarda com apreensão os próximos passos da crise institucional na qual a Líbia mergulhou há duas semanas.

A exemplo do que ocorreu no Egito, os manifestantes líbios preparam um grande protesto esta sexta-feira em Trípoli para pedir a saída do ditador do poder.

Na quinta-feira, tropas do governo e mercenários atacaram com crueldade Zauiya, cidade distante 92 km da capital. De acordo com informações da rede de televisão Al Jazeera, rajadas de metralhadoras e granadas foram disparadas diretamente contra a população – há relatos preliminares de cerca de 100 mortos no ataque.

O receio é que o enfrentamento em Zauiya seja um prenúncio até menos sangrento do que pode ser a batalha por Trípoli.

Imobilizado

Um dia depois de perder o controle da região leste da Líbia, o ditador Muamar Kadafi viu ser tomado também o lado oeste do país. Milícias contrárias ao governo dominaram a cidade de Zuara, 120 quilômetros a oeste da capital Trípoli, afirmaram esta quinta-feira trabalhadores egípcios que cruzaram a fronteira da Tunísia.

Acredita-se que um terço da parte oriental do país esteja sob o domínio dos revoltosos, incluindo Benghazi, a segunda maior cidade do país.

Drogas

No seu terceiro pronunciamento na TV desde o começo da crise, Kadafi acusou os manifestantes de serem viciados em drogas e de agirem sob o comando da rede terrorista Al Qaeda, de Osama Bin Laden. “Vocês em Zauiya se voltaram para Bin Laden. Este é o inimigo que está manipulando o povo”, afirmou.

“Eles (os membros da Al Qaeda) deram-vos drogas”, declarou o coronel, falando à população da cidade que enfrentou um sangrento confronto com as forças armadas nesta manhã. Ele ainda enfatizou: “Meu poder na Líbia é simplesmente moral”.

Zauiya fica na região oeste do país, que já teria sido tomada em grande parte pelos opositores do regime, e que agora aproximam-se da capital Trípoli.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!