Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Judo: Moçambique precisa urgente de três milhões de meticais para o “Africano”

Um tempo de 15 dias, é o que a Federação Moçambicana de Judo (FMJ) tem para conseguir três milhões de meticais de modo a tornar possível, sem sobressaltos, a realização do Campeonato Africano de Judo agendado para este mês de Abril em Maputo.

Segundo Omar Omar, secretário-geral daquele organismo e responsável técnico pela organização do certame, falando ao @Verdade na tarde desta segunda-feira (01), está tudo aposto para que a capital do país seja, dentro de dias, palco da prova. No entanto, segundo aquela fonte, a organização se encontra embaraçada devido a um défice de três milhões de meticais, dos 6300 mil orçados para o “Africano” de Maputo.

“Estamos na fase crucial do processo em que tudo está feito, faltando apenas o pagamento. Neste momento estamos a tentar articular com o governo para ver se nos apoia, visto que o sector privado respondeu positivamente aos nossos pedidos, cobrindo com a outra parte do valor” disse Omar, sem revelar no concreto para que áreas foram aplicados os 3300 mil meticais e para onde serão destinados os que escasseiam.

No que diz respeito à preparação da selecção nacional, em período de estágio em Portugal, Omar garantiu que a mesma está a responder positivamente aos treinos e que tudo fará para dignificar o país, até porque “em casa mandamos nós”.

O Campeonato Nacional de Judo vai decorrer entre os dias 18 e 21 de Abril próximos.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!