Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Jovem dos EUA ganha o primeiro ouro da Olimpíada do Rio no tiro

Imperturbável, a jovem norte-americana Virgina Thrasher garantiu a primeira medalha de ouro dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro neste sábado, ao manter-se calma contra duas chinesas campeãs olímpicas e venceu a prova feminina de carabina de ar 10m.

A garota de 19 anos, campeã universitária nos Estados Unidos, superou a chinesa Du Li, medalha de ouro em Atenas-2004, com um recorde olímpico de 208 pontos na final do evento. A actual campeã olímpica Yi Siling, também chinesa, ficou com o bronze.

Competindo pela primeira vez nas Olimpíadas, Thrasher, na condição de primeira campeã dos Jogos de 2016, recebeu a medalha do presidente do Comité Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach, e afirmou que a conquista foi muito além dos seus sonhos.

Anos mais nova que as sete outras finalistas, Thrasher conquistou uma vantagem logo cedo na fase final após derrotar a atiradora russa Daria Vdovina, que ficou pelo caminho e terminou em quinto.

“Algum tempo depois de conquistar a liderança ficou claro para mim que eu tinha chance de medalha, mas eu rapidamente deixei esse pensamento de lado e foquei em respirar, ficar calma e finalizar um tiro de cada vez”, disse Thrasher, que aprendeu a amar o tiro enquanto caçava veados com seu avô nos Estados Unidos, quando ela estava na oitava série.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!