Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Jatos paquistaneses atacam esconderijos de militantes e matam 38 pessoas

Os aviões a jactos paquistaneses atacaram supostos esconderijos nas áreas tribais na fronteira com o Afeganistão, este domingo (23), matando pelo menos 38 insurgentes, segundo os oficiais, no terceiro ataque aéreo nos últimos dias.

O ataque foi realizado depois de as negociações de paz com rebeldes do Taliban terem falhado na semana passada. O primeiro-ministro Nawaz Sharif autorizou que o Exército, a 20 de Fevereiro, atacasse militantes na volátil região da fronteira afegã.

“Jactos atacaram instalações de treinamento de terroristas no Vale do Tirah, no começo deste domingo”, disse um oficial militar. Ele disse que as instalações destruídas estavam a ser usadas para treinar homens-bomba e para fazer explosivos.

“Há relatos confirmados que 38 terroristas, inclusive comandantes importantes, foram mortos”, disse outro oficial de segurança, acrescentando que pelo menos seis esconderijos foram destruídos.

Ainda não houve relatos de mortes de civis. Apesar da violência, os dois lados insistem que continuam abertos para negociações. Muitos observadores estão cépticos sobre as negociações de paz com um grupo que matou 40 mil pessoas desde 2007.

O Taliban, formado por islamitas sunitas, disse para o governo semana passada que não havia chance de paz no país a não ser que o Paquistão mude os seus sistemas político e legal e oficialmente abrace a lei islâmica.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!