Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Japão oferece 17.000 toneladas de arroz a Moçambique

O Japão ofereceu esta sexta-feira, em Maputo, um total de 17 mil toneladas de arroz a Moçambique, uma quantidade avaliada em cerca de 10 milhões de dólares americanos. Trata-se de um donativo inserido no quadro da assistência alimentar do Japão a Moçambique que iniciou há sensivelmente 34 anos tendo já totalizado um valor acumulado equivalente a 150 milhões de dólares americanos.

O donativo entregue, ao Governo moçambicano, foi feito sob o programa de ajuda alimentar do Governo japonês a Moçambique para o ano fiscal de 2009. Falando durante a cerimónia de entrega deste donativo, o Embaixador nipónico em Moçambique, Susumu Segawa, considerou que esta é uma oferta não do governo, mas sim do povo japonês que todos os dias contribui com os seus impostos para a implementação dos programas do governo.

“A razão pela qual o Japão coopera na contínua ajuda alimentar em Moçambique é o facto de a alimentação ser a base da vida humana. Sem uma boa saúde baseada numa alimentação correcta, não se encontram reunidas boas condições para estudar na escola, cultivar na machamba e também combater certas doenças, tais como a malária, a cólera e o HIV/SIDA. Isto significa que a segurança alimentar é o factor fundamental na luta para a redução da pobreza absoluta”, disse o diplomata japonês.

Segundo Susumu Segawa, o Governo japonês tem vindo a implementar diversos projectos nas áreas de desenvolvimento económico rural, abordagem na área do meio ambiente e mudanças climáticas bem como na capacitação dos funcionários públicos e apoio à reforma institucional.

Por seu turno, o Ministro moçambicano da Indústria e Comércio, Armando Inroga, disse que o arroz oferecido pelo Japão será usado para abastecer a população rural e urbana do país, podendo contribuir significativamente para a redução do défice deste alimento em Moçambique. Com efeito, do total de 17 mil toneladas deste cereal, sete mil destinamse aos mercados do Sul de Moçambique, enquanto cinco mil serão canalizados para o Centro do país e a outra quantidade remanescente será transportado para o Norte, através do Porto de Nacala, província de Nampula.

Inroga disse que este arroz será comercializado pelo sector privado e as receitas resultantes dessa operação serão canalizadas para os cofres do Estado, para mais tarde servirem para financiar programas da educação em curso no país e que envolvem o Japão. Inroga disse não saber as receitas a resultarem da comercialização deste arroz, mas espera-se que as mesmas sejam muito superiores aos 10 milhões investidos pelo Japão.

Por outro lado, o Ministro disse que o Governo espera que este donativo venha a contribuir para a estabilização dos preços dos produtos no mercado de modo a não haver necessidade de continuar, depois de Março próximo, com as medidas de contenção de custos em vigor no país. “Quer o arroz quer o trigo são produtos que têm sido objecto da ajuda prestada a Moçambique pelo Governo do Japão. De 1999 a 2006 recebemos cerca de 78 mil toneladas de arroz e 29.658 toneladas de trigo, o que contribuiu para, a par de outras acções desenvolvidas pelo Governo, assegurar uma melhor e mais abrangente oferta desses bens essenciais a nossa população”, disse ele.

Inroga disse acreditar que, com a ajuda do Japão e outros parceiros de cooperação, o Governo será capaz de atingir auto-suficiência na produção alimentar, em particular na produção do arroz e do trigo.

Recorde-se que em 2008, o Japão anunciou a duplicação da sua assistência a Africa nos próximos cinco anos. Contudo, apesar dos receios internacionais por causa da crise financeira, o Embaixador nipónico garantiu que o seu país está determinado em concretizar, sem fracasso, os seus compromissos.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!