Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Japão concede mais ajuda alimentar

Os governos de Moçambique e do Japão formalizaram, Segunda-feira, em Maputo, um acordo para a recepção, a partir do primeiro trimestre de 2013, de um donativo de arroz no valor de 360 milhões de “yens”, moeda daquele país asiático.

A oferta ajudará a cobrir o défice na produção interna, estimado em 361 mil toneladas por ano, representando 67 por cento das reais necessidades do consumo.

O acordo para o efeito foi rubricado pela Secretária Permanente do Ministério da Indústria e Comércio, Cerina Mussá, e o representante do Sistema de Cooperação Internacional do Japão, Kenjo Kashiwake, e foi testemunhado por vários quadros do pelouro.

A distribuição do donativo será feita através de concurso público aberto para os agentes económicos das três regiões do país (sul, centro e norte) interessados em comercializar o produto e, após retirar os lucros, deverão canalizar os ganhos das vendas ao tesouro.

O vice-Ministro da Indústria e Comércio, Kenneth Marizane, disse, após a assinatura do contrato, que o consumo anual interno do arroz cifra as 534 toneladas e o donativo nipónico ajudará a suprir o défice que a produção interna ainda não consegue cobrir.

O Encarregado de negócios da embaixada do Japão em Moçambique, Keiji Hamada, disse, por seu turno, que o seu país pretende continuar a apoiar o desenvolvimento de Moçambique, cooperando com o governo a nível central e provincial, tudo com vista a melhorar o nível de vida das comunidades.

O Ministério da Indústria e Comércio (MIC) estima em 190.096 toneladas de arroz que o país poderá produzir na presente campanha, cifra muito aquém das reais necessidades de consumo no país.

As províncias de Maputo e Gaza (sul), Sofala e Zambézia (centro) e Cabo Delgado, no norte, são as que contribuem para os níveis de produção desta cultura alimentar fundamental na dieta dos cidadãos.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!