Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Incêndio reduz fábrica a cinzas em Maputo

Incêndio reduz fábrica a cinzas em Maputo

Um incêndio deflagrou numa fábrica de plásticos e tubos e reduziu as instalações a cinzas, nesta segunda-feira (20), no bairro do Zimpeto, na capital moçambicana, na Avenida de Moçambique. Não se sabe ao certo a que horas o fogo começou, mas o alerta ao Serviço Nacional de de Salvacao Pública (SENSAP) foi dado por volta das 07h00 e quando a equipa desta corporação chegou ao local já era bastante tarde para evitar danos.

Para dominar o fogo foi necessário, para além dos bombeiros, activar os militares dos quartéis de Inhagóia e das Forças Populares de Libertação de Moçambique (FPLM), em Maputo. Não há registo de feridos. Sobre as cinzas e os escombros, o SENSAP concluiu que o incêndio resultou de um curto-circuito.

Mas um dos proprietários daquela fábrica nega que a causa do incêndio seja um fenómeno eléctrico, porque nenhum aparelho eléctrico estava em funcionamento na hora em que a desgraça aconteceu. Por sua vez, David Cumbane, porta-voz do SENSAP, defende a tese segundo a qual as chamas resultaram de um curto-circuito e explica que se tivesse sido uma outra causa os prejuízos não seriam avultados.

Para sustentar as suas palavras, o nosso entrevistado defende que o incêndio tenha começado de madrugada, e não por volta das 06h00, como alegam os trabalhadores daquela fábrica.

“Continuamos a recomendar à sociedade a verificar se as instalações e aparelhos eléctricos, fios condutores, fichas, tomadas, interruptores estão seguros, evitar sobrecarregar o circuito e fazer a revisão das instalações (…)”. Assim, previne-se os incêndios e outros riscos. Em caso de incidentes é preciso chamar, “a qualquer momento, os bombeiros através do número 82198. É gratuito”, concluiu Cumbane.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!