Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Imigrantes retidos e polícia enfrentam-se na fronteira entre Grécia e Macedónia

A polícia da Macedónia disparou gás lacrimogéneo contra centenas de imigrantes maioritariamente paquistaneses nesta quarta-feira, quando tentaram invadir o país balcânico a partir da Grécia exigindo passagem para o norte rico da Europa.

Cerca de 1.500 paquistaneses, marroquinos e iranianos estão retidos numa terra de ninguém entre os dois países há semanas, já que os Estados balcânicos não pertencentes à União Europeia começaram a filtrar os imigrantes e abrir caminho somente a refugiados de Síria, Iraque e Afeganistão.

Tem aumentado os protestos dos imigrantes, desesperados e obrigados a ficar em acampamentos improvisados na divisa próxima da cidade grega de Idomeni sob temperaturas pouco acima de congelantes.

A violência desta quarta-feira irrompeu depois que cerca de 200 pessoas foram barradas na fronteira e começaram a percorrer vários quilómetros ao longo de uma cerca recém-construída em busca de uma passagem alternativa.

Os polícias macedónios usaram gás lacrimogéneo para repelir a multidão, e um deles disparou tiros de alerta para o alto, disse uma testemunha da Reuters. No final da tarde, 500 imigrantes bloquearam a travessia de refugiados gritando: “Se não cruzarmos, ninguém cruza!”.

Autocarros repletos de imigrantes e refugiados que chegaram a outras cidades nos últimos dias continuam a aparecer no local.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!