Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Homens armados matam 12 pessoas num refúgio islâmico na Nigéria

Homens armados mataram 12 pessoas, este sábado (23), numa ofensiva contra uma vila no nordeste da Nigéria, região disputada entre as tropas oficiais e militantes rebeldes islâmicos, disse a polícia.

O ataque ocorreu numa área do Estado de Bono atacada regularmente pela Boko Haram, seita islâmica que já matou milhares de pessoas nos últimos quatro anos. “Cerca de 30 homens fortemente armados em três veículos Hilux e motocicletas invadiram a vila de Sandiya e começaram a gritar Allahu Akbar (Deus é o maior), antes de abrir fogo contra indefesos”, contou o morador local Modu Judum à Reuters.

O comissário da polícia do Estado, Tanko Lawal, confirmou a morte de 12 pessoas no ataque e que casas foram incendiadas e veículos roubados. Ela não disse quem foram os ofensores.

O presidente Goodluck Jonathan declarou estado de emergência no nordeste em Maio e começou uma intensa campanha militar para reprimir o Boko Haram, mas o grupo tem resistido e contra-atacado a partir das bases montadas nas áreas remotas. A seita deseja impôr a lei islâmica, a sharia, ao país de cerca de 170 milhões de pessoas divididas quase meio a meio entre cristãos e islâmicos.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!