Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Guebuza encoraja “Mambas”

O Presidente moçambicano, Armando Guebuza, recebeu hoje, no seu Gabinete de Trabalho, a Selecção Nacional de Futebol, vulgo “Mambas”, que defronta, próximo Domingo, em Maputo, a sua congénere da Nigéria, em partida pontuável para a jornada inaugural do Grupo B da Zona Africana de qualificação conjunta para o Campeonato Africano das Nações (CAN) e o Mundial da modalidade, a terem lugar em Angola e Africa do Sul, respectivamente, em 2010.

Na ocasião, Guebuza transmitiu aos técnicos e jogadores a mensagem de encorajamento e conforto face a esta grande batalha, vincando que o país inteiro esta com eles, devendo estes, mais do que nunca, “sentir o peso da responsabilidade e o orgulho de representar a Nação inteira”.

O Chefe do Estado assegurou que todo o povo moçambicano, onde quer que esteja, está confiante na vitória.

“Vocês são especiais e recebem o carinho por onde quer que estejam”, disse Guebuza, reiterando que a Selecção tem uma grande responsabilidade pois transporta consigo a bandeira de Moçambique, o símbolo da Nação.

Guebuza encorajou em particular os jogadores a usarem o grande talento que possuem para não defraudar as expectativas do povo moçambicano.

Falando a jornalistas momentos depois, o Ministro da Juventude e Desportos, Fernando Sumbana, disse ser “uma grande honra” o facto de o Presidente da Republica ter recebido a Selecção nesta altura em que se prepara para mais uma tarefa difícil, de defrontar uma das grandes selecções de Africa.

Sumbana afirmou que este acto demonstra a confiança do Governo para com o combinado nacional na perspectiva que a mesma continuará a dar alegrias ao povo moçambicano.

Por sua vez, o técnico principal dos “Mambas”, o holandês Mart Nooij, agradeceu o gesto do Chefe de Estado, vincando que isso vem acrescer “a nossa responsabilidade”.

Mart Noij mostrou-se agastado com o facto da imprensa estar sempre a falar dos prémios de jogo, sublinhando que “o dinheiro não é o mais importante, para já é estarmos concentrados no jogo de Domingo para que Moçambique alcance um resultado positivo”.

O acto contou com a presença de jogadores, equipa técnica, a direcção da Federação Moçambicana de Futebol, o Ministro da Juventude e Desportos e outros quadros do seu pelouro, bem como jornalistas.

O jogo do próximo Domingo é o primeiro dos seis que os Mambas deverão disputar nesta fase de qualificação para o CAN e Copa Mundial.

Os ‘Mambas’ estão integrados no Grupo-B juntamente com a Nigéria, Tunísia e Quénia.

Entretanto, a venda de bilhetes de ingresso ao Estádio da Machava, palco do jogo, iniciou hoje, tendo sido caracterizado por enchentes nos locais para o efeito indicados. Segundo a Federação Moçambicana de Futebol (FMF), estão disponíveis para o embate contra a Nigéria 35 mil bilhetes. AIM constatou a existência de longas bichas nas casas onde os bilhetes estão sendo vendidos, uma cenário que se regista desde as primeiras horas da manha.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!