Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Governo de Moçambique quer pôr término à pesca ilegal

O governo de Moçambique está empenhado nas iniciativas de combate e eliminação da pesca ilegal em Moçambique e a nível internacional, disse, segunda-feira, em Maputo o ministro moçambicano das Pescas.

No decurso de uma conferência internacional sobre controlo e fiscalização das pesas, que conta com a participação de representantes de mais de 50 países, Victor Borges disse ainda que Moçambique continuará a colaborar nas iniciativas regionais de consolidação das políticas e estratégias de controlo e fiscalização concebidas para a pesca comercial.

Na sua intervenção, o ministro falou das diversas acções de âmbito nacional, regional e internacional desenvolvidas por Moçambique no combate, ao nível global, da pesca ilegal não reportada e regulamentada.

Victor Borges disse que as acções incluem a participação de Moçambique em missões de patrulha regional, quer a nível bilateral quer multilateral, que se estendem da África do Sul até ao Quénia.

Em Moçambique, a falta de meios é um dos principais factores que dificulta a fiscalização da costa, que possui uma extensão de cerca de 2 780 quilómetros, sendo a terceira maior costa marítima de África.

Dois terços da população moçambicana vivem na zona costeira, razão pela qual a pesca e outras actividades a ela conexas são importantes para a sua subsistência.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!