Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Moçambola 2014: golo de Calton adia a decisão do título para a derradeira jornada

O Ferroviário de Nampula adiou a decisão do título do Moçambola 2014 para a última jornada após vencer este domingo(26) o Desportivo de Maputo por 1 a 0 com um golo de Calton no último minuto do tempo de compensação. A Liga Muçulmana continua líder, com mais um ponto, graças a vitória por 4 a 2 conseguida na Beira, frente ao Têxtil de Púnguè. Com mais esta derrota os fabris da Manga juntam-se ao Estrela Vermelha da Beira e ao Ferroviário de Pemba, que também perderam nesta 25ª jornada, na descida de divisão.

No estádio 25 de Junho, em Nampula, a turma de Antero Cambaco entrou melhor e teve duas flagrantes oportunidades para chegar ao golo, mas os seus avançados foram bastante perdulários no último terço do terreno, uma vez que a defensiva dos locomotivas andava à leste do jogo.

Os alvi-negros mostravam-se mais seguros no seu sector mais recuado anulando as investidas do seu rival que apesar do claro domínio em termos de posse bola não conseguiu chegar com perigo a baliza de Vítor.

Depois do intervalo, o Ferroviário de Nampula entrou transfigurado tomando as rédeas do jogo e criando várias oportunidades para inaugurar o marcador. Mas a defesa do Desportivo continuava intransponível.

No jogo das substituições, enquanto Antero Cambaco refrescou o seu meio-campo Rogério Gonçalves lançou três jogadores ofensivos Belito, Massaua e Calton. Era o tudo ou nada do Ferroviário que sabia que na Beira a Liga estava a vencer.

Até que à passagem do minuto 93, na sequência de um bom cruzamento do flanco direito, Belito cabeceou no centro da grande área a bola esbarrou num defesa e sobrou para Calton cabeceou sem chances para o guarda-redes do Desportivo. Vantagem mínima que leva a disputa do Campeonato Nacional de futebol para a última jornada.

Muçulmanos vencem na Beira

Na Beira, a Liga Muçulmana esteve a perder por duas bolas sem resposta mas conseguiu fazer a reviravolta no marcador e derrotar o Têxtil de Púnguè por 4 a 2 continuando líder e a depender apenas de si para revalidar o título. Os golos dos fabris da Manga foram apontados por Luís e Xirico, enquanto Zico, Liberty, Avelino e Jerry marcaram para os muçulmanos de Maputo.

O Ferroviário de Pemba averbou a sua 12ª, diante do seu homónimo da Beira, e consumou a sua despromoção do Moçambola.

Quem também não conseguiu a manutenção foi o Estrela Vermelha da Beira que em casa foi derrotado, no sábado, pelo Maxaquene por 0 a 1.

Em Gaza, o Clube de Chibuto recebeu e venceu o Ferroviário de Quelimane pela margem mínima e ultrapassou o Costa do Sol, que no sábado foi derrotado em casa pelo HCB do Songo por 2 a 3, na tabela classificativa.

Os golos de Manucho, na primeira parte, e Andro, na etapa complementar, garantiram a vitória do Ferroviário de Maputo sobre o Desportivo de Nacala e a manutenção no Campeonato Nacional de futebol.

Quadro resultados da jornada 25:

Têxtil do Púnguè 2 – 4 Liga Muçulmana

Ferroviário de Nampula 1 – 0 Desportivo de Maputo

Ferroviário de Pemba 0 – 2 Ferroviário da Beira

Costa do Sol 2 -3 HCB de Songo

Estrela Vermelha da Beira 0 – 1 Maxaquene

Clube do Chibuto 1 – 0 Ferroviário de Quelimane

Ferroviário de Maputo 2 – 0 Desportivo de Nacala

Confira a tabela classificativa:

 

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!