Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Godinho Lopes é o novo presidente do Sporting

Godinho Lopes é o novo presidente do Sporting, diz que vai levar o clube ao topo «Espero merecer a confiança que me foi depositada», afirmou Godinho Lopes, engenheiro de 58 anos, acrescentando que os sócios poderão contar com ele para «poder levar o Sporting ao lugar de topo que bem merece».

Sobre as prioridades que vai estabelecer, enumerou a alteração dos estatutos, a criação do sócio adepto e a persecução de uma política que privilegie a ligação mais forte entre os adeptos e o clube, o pavilhão – assunto para o qual pretende ter uma conversa com Mário Patrício, director geral das modalidades que cessou funções – e a Academia, que suscitará uma conversa de Carlos Freitas com o actual treinador José Couceiro e com o responsável por aquele espaço, Pedro Mil Homens.

Desafiado a confirmar se Domingos Paciência será o próximo treinador do Sporting, Godinho Lopes reafirmou o que sempre disse ao longo da campanha, que o novo técnico só será anunciado no final da época, já que ainda está a trabalhar.

Contudo, acrescentou, o clube tem uma dupla na Academia que vai começar a trabalhar e que depois receberá o novo técnico. Godinho Lopes, que já tinha sido vice-presidente do Sporting na direcção de Dias da Cunha e responsável pela construção do novo Estádio José de Alvalade, foi eleito com 36,55 por cento dos votos, derrotando por apenas 360 votos a lista liderada por Bruno de Carvalho, que recolheu 36,15 por cento dos votos.

O facto de em vários momentos durante a contagem de votos ter crescido a expectativa de que Bruno de Carvalho seria o vencedor levou a desacatos entre os sócios do clube. Para Godinho Lopes, esta reacção é «natural» tendo em conta a «expectativa» criada ao longo da noite.

O novo presidente “leonino” agradeceu ainda a Bruno de Carvalho a forma como se dirigiu aos seus apoiantes e adiantou que segunda-feira «todos juntos» e com «serenidade» vão servir o clube. Antes, numa declaração em que pediu várias vezes «por favor», Bruno de Carvalho garantiu que está «em cima das coisas» e que a sua candidatura vai «ver o que se passou». «Hoje calma, por favor», reiterou. Entretanto, uma fonte da candidatura de Bruno de Carvalho disse à Lusa que vai ser pedida a impugnação das eleições.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!