Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Frustrada tentativa de linchamento dum dirigente do Estado na Zambézia

Um grupo de indivíduos que fez parte da campanha de distribuição gratuita de redes mosquiteiras tentou, sem sucesso, linchar o director do Serviço Distrital da Saúde, Mulher e Acção Social no distrito de Ile, província da Zambézia, quando contestava, na residência da vítima, a exiguidade dos subsídios pagos.

Trata-se Jaime Casamento, segundo o qual os insurrectos invadiram a sua casa e tentaram incendiá-la, com ele no interior da mesma, após derramarem gasolina por quase todos os cantos.

O acto considerado como tentativa frustrada de justiça pelas próprias mãos culminou também com a destruição dos vidros da referida propriedade.

O pior não aconteceu porque a Polícia da República de Moçambique (PRM) interveio atempo.

O grupo, às centenas, amotinou-se igualmente defronte do Serviço Distrital da Saúde, Mulher e Acção Social no Ile, reclamando o facto de os subsídios pagos serem exíguos e não corresponderem ao trabalho realizado.

Jaime Casamento disse que antes do início da campanha de distribuição de redes mosquiteiras informou aos participantes que receberiam valores, em função das tarefas dadas a cada um deles.

Alguns indivíduos alegaram que contraíram dívidas para assegurar a realização do trabalho que desempenharam, uma vez que o Serviço Distrital de Saúde, Mulher e Acção Social no Ile não criou nenhumas condições para o efeito.

Na sequência da confusão instalada e tentativa de linchamento do dirigente daquele sector, sete pessoas foram recolhidas aos calabouços pelas autoridades policiais.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!