Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Frio eleva petróleo a nível mais alto desde fim de outubro

A onda de frio que se abateu sobre grande parte do hemisfério norte elevou os preços do petróleo aos níveis mais altos desde o fim de outubro esta segunda-feira em Nova York, com o mercado antecipando um aumento do consumo de energia e uma queda dos estoques do ouro negro.

No New York Mercantile Exchange (Nymex), o barril do ‘light sweet’ para entrega em fevereiro registrou um crescimento de 2,15 dólares em relação à quinta-feira, fechando a 81,51 dólares. O barril chegou a 81,68 dólares durante a sessão, um nível que não atingia desde o dia 21 de outubro, quando subiu a 82 dólares, o preço mais elevado de 2009.

Em Londres, o barril do Brent do Mar do Norte com igual vencimento ganhou 2,19 dólares, encerrando a 80,12 dólares. “Os preços foram impulsionados pelo frio que se abateu sobre grande parte do hemisfério norte”, afirmou Andy Lipow, da Lipow Oil Associates. Um frio polar atingiu nesta segunda-feira parte da Europa e da América do Norte.

Em Miami, na Flórida (sudeste dos EUA), a temperatura chegou perto de zero, o que não acontecia há quase dez anos. Houve muita neve na China e na Coreia do Sul, e pelo menos 42 pessoas morreram no fim de semana passado na Índia devido à onda de frio que se abateu sobre o norte do país. Para os analistas, o frio deve estimular o consumo de energia e reduzir o excedente dos estoques de petróleo, atualmente muito elevados.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!