Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Frio destrói culturas em Machanga

O frio que se faz sentir um pouco por todo o país matou, semana passada, culturas de alguns camponeses do distrito de Machanga, província de Sofala, Centro de Moçambique.

“O Diário de Moçambique”, editado na cidade da Beira, em Sofala, escreve, na sua edição da quarta-feira, que o facto, que criou indignação no seio dos camponeses, se fez sentir na margem em que se localiza o distrito.

A Administradora distrital de Machanga, Ana Paula Matiquite, confirmou o sucedido, explicando que é uma situação que afectou alguns camponeses.

Aliás, houve até informações segundo as quais o frio teria causado a morte de três pessoas em Machanga, facto desmentido pela administradora, afirmando que, oficialmente, ela não teve conhecimento de tal situação. Segundo ela, se tivesse ocorrido a morte de pessoas, as autoridades policiais e sanitárias poderiam ter o registo.

“Mas isso não aconteceu, pois o que se verificou foi que o frio ‘queimou’ as culturas de alguns camponeses, ao longo da margem do rio Save”, afirmou a fonte.

Neste momento, a situação dissipou, sendo que os camponeses voltaram a praticar as suas actividades com normalidade, garantiu Ana Paula Matiquite.

Ela não precisou as áreas e o número de camponeses afectados, nem avançou igualmente os níveis do frio, em termos de graus centígrados.

O Instituto Nacional de Meteorologia de Moçambique (INAM) anunciou semana passada que o Sul de Moçambique teve, em Junho passado, as temperaturas mais baixas dos últimos 50 anos, tendo chegado a 1,3 graus Celsius em algumas áreas da região.

Mas o frio rigoroso do presente Inverno não tem sido sentido apenas no Sul, pois o Centro e Norte do país, normalmente muito quentes, também têm tido temperaturas muito baixas, como não acontecia há já muitos anos.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!