Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

FRELIMO perde um mobilizador de vulto

Perdeu a vida, esta Quinta-feira, em Quelimane, um membro da Frelimo, por sinal, o secretário da 3ª zona na cidade de Quelimane.

Trata-se de Rufino Pinto Muibo, cuja militância no partido Frelimo não é de agora. Muibo liderava toda a 3ª zona e ninguém estava ao seu patamar.

No período em que a cidade de Quelimane esteve em campanha eleitoral, o falecido acolheu jovens na sua casa, lá pelas bandas do bairro Acordos de Lusaka, arredores de Quelimane.

Na casa do falecido, os jovens preparavam refeições, ou seja, era o quartel-general das acções dos jovens que iam a campanha pedir votos para o candidato derrotado, Lourenço Abubacar.

E o tempo foi passando. Chegou o dia das eleições, estas foram realizadas. Na madrugada do dia 7, quando os primeiros resultados começaram a sair, claro, dando vantagem ao candidato do Movimento Democrático de Moçambique, Manuel de Araújo, as coisas começaram a complicar-se.

As más-línguas de Quelimane

Precisamente no dia 8 do mês corrente, ficou-se a saber, de uma fonte hospitalar, que o senhor Muibo estava internado no Hospital Provincial de Quelimane, porque sentiu-se mal e dai, recorreu aos cuidados sanitários. Na verdade, uma fonte médica disse que a vítima entrou naquela unidade hospitalar, com problemas respiratórios.

A mesma fonte assegura que, o grande problema da vítima era tensão arterial. Ou seja, o malogrado já sofria de tensão, mas nunca teve o cuidado de controlar regularmente.

E na cidade de Quelimane não há outra conversa. Diz-se que Muibo, perdeu a vida por causa dos resultados eleitorais que deram uma vantagem retumbante ao Manuel de Araújo.

Outros afirmam que, sendo o malogrado, alguém que juntou muita gente na sua casa no tempo da campanha, provavelmente não terá aguentado digerir aqueles largos números que Araújo venceu e convenceu a Frelimo e o seu candidato. Enfim, são coisas da nossa terra, como dizia o malogrado jornalista Gomes Iossomua.

Frelimo chora duas vezes

A Frelimo, na cidade de Quelimane, chora duas vezes. Primeiro pelos resultados eleitorais e depois pela perda de um membro de vulto. Uma fonte do partido fez saber que, neste momento, toda família “frelimista” está consternada.

Quando questionado se a perda de vida do Muibo estava relacionada com os resultados eleitorais, a fonte declinou, tendo afirmado que “ele andava com problemas de tensão arterial, por isso sentiu-se mal e foi ao hospital, o resto não sei dizer ” -rematou a fonte.

Num outro passo, a mesma fonte acrescentou que Muibo deixa um vazio enorme no seio da família Frelimo, por tudo aquilo que deu durante a sua militância.

Mais diante a fonte não escondeu a mágoa e sublinhou que “estamos constrangidos, mas iremos levar avante os ensinamentos e a coragem que o camarada Muibo tinha” – finalizou.

Refira-se que o funeral do Muibo realiza-se na tarde desta Sexta-feira (14h) em Sangariveia.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!