Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

“Forças de defesa e segurança estão para proteger Dhlakama em Gorongosa”, Edson Macuacua

O actual conselheiro e porta-voz do Presidente da República, Edson Macuácua, falando em nome do secretário-geral da Frelimo, esta sexta-feira (05), na capital moçambicana, disse que a numerosa força de defesa e segurança que se encontra na região centro do país, em particular na Gorongosa, está para proteger o líder da Renamo, Afonso Dhlakama.

Macuácua argumentou que o Estado moçambicano tem o dever de proteger o líder da “Perdiz” por este ser um cidadão moçambicano, membro do Conselho de Estado e dirigente de um partido político com assento parlamentar.

Aliás, Macuácua recorda que Dhlakama já se mostrou “desconfortável em relação aos homens armados que o cercam, daí mais uma razão para que o Estado envie forças de segurança perto dele para o defenderem”.

Por outro lado, o interlocutor recusa a facto de haver crise política no país. Diz ele que o facto de os órgão do Estado estarem a funcionar, a Constituição não estar suspensa, e os moçambicanos continuaram a trabalhar consubstancia a sua posição. “Houve incidentes maus, mas que não são por si uma guerra. São um teste da nossa capacidade de continuarmos a manter a paz”, disse.

Macuácua referiu também que a Renamo está conformada com a derrota antecipada, por isso não está interessada em quen haja eleições no país, daí que está a ensaiar outras vias anti-democráticas de chegar ao poder.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!