Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Fome aguda ameaça quatro comunidades

Quatro comunidades do distrito de Eráti, nomeadamente Tiquila, Trapassa, Mizevele e Intuto, estão na iminência de mergulharem numa fome aguda como consequência de infertilidade dos respectivos solos, a despeito da campanha agricola ter registado chuvas regulares. Recorde-se que, na campanha anterior, as referidas comunidades haviam sido atingidas com idêntica situação, que foi colmatada através de um apoio multiforme prestado pelo governo distrital.

Agostinho Chelua, que revelou o facto, referiu que o seu executivo está a envidar esforço no sentido de inverter definitivamente o cenário com a introdução de culturas resistentes às secas, como é o caso de batata doce, feijões, entre outras. Acrescentou que, para prevenir semelhantes situações no futuro, vários comerciantes da zona beneficiaram de créditos no âmbito do Orçamento de Investimento de Iniciativa Local para se envolverem na compra de produtos agrícolas nas regiões mais produtivas, a fim de abastecerem as populações ameaçadas pela fome.

De acordo, ainda, com o governante, nas citadas regiões, a situação é mais crítica em relação ás culturas de rendimento, que, na presente campanha agricola, foram dadas como perdidas devido à falta de poder germinativo. Não obstante, porém, elementos estatísticos em poder do Wamphula Fax referem que, na presente safra, o distrito de Eráti produziu 88.765 toneladas de culturas alimentares diversas, contra 86.235 toneladas da campanha anterior.

Enquanto que as culturas de rendimento, nomeadamente algodão, gergelim e ricino, ssituaram-se em 17.776 toneladas. Soubemos ainda que as regiões em causa, devido a gravidade de fome aguda registada na campanha anterior, recorriam a frutos silvestres para sua alimentação, alguns dos quais provocaram mortes por serem venenosos.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!