Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Financiamento externo reduz em 9,4%

O total de financiamento externo ao Orçamento do Estado (OE) reduziu, em 2009, em cerca de 9,4%, face a 2008, o correspondente a 156,7 milhões de dólares norte-americanos.

O nível de redução resulta de diminuições de 76 milhões de dólares norteamericanos em donativos e 80,7 milhões de dólares em empréstimos, segundo o Ministério das Finanças, realçando que o financiamento ao sector público reduziu em 7,4% por donativos e aumentou em 20,6% por empréstimos, enquanto o financiamento ao sector privado diminuiu em 62,4%, no período em análise.

Despesa de funcionamento

Em 2009, cerca de 51% do total da despesa orçamentada de funcionamento foram com despesas com o pessoal, 21% em bens e serviços e 18% com transferências correntes, enquanto a rubrica Outras Despesas Correntes absorveu o correspondente a 5% e encargos de dívida 3%.

A despesa de capital ficou com o correspondente a 1% da despesa total orçamentada de 2009 e igual percentagem para os subsídios.

Refira-se, entretanto, que 99,9% da despesa de investimento foram realizados com a componente interna e 64,4% com a componente externa, enquanto na despesa de investimento externa os donativos contribuíram com 62,7% e os créditos 69,4%, segundo igualmente o Ministério das Finanças.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!