Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Ferroviário de Nampula abre oficinas com novas caras

A equipa do Ferroviário de Nampula vai para beve apresentar o plantel definitivo para a época desportiva 2013, segundo anunciou o treinador português Rogério Gonçalves. De acordo com o técnico, o plantel será constituído por um máximo de 25 atletas.

Durante abertura das oficinas, foram apresentadas 40 atletas, dos quais 15 foram dispensados por não terem conseguido convencer o técnico português.

Da lista dos reforços, os locomotivas nampulenses recorreram ao mercado malawiano, tendo contratado dois meio-campistas de raiz que militam na selecção daquele país, nomeadamente Ndazona e Charles, além de ponta-de-lança, Robson também do Malawi, Lama, de Guiné Conacri, Vadinho, ex-Desportivo de Nacala, Vovote, ex-Maxaquene, Caximo e Rivaldo, do despromovido Ferroviário de Pemba, entre outros.

Aliás, ainda esta semana, espera-se a presença de Siven Soarito e o guarda-redes Lama que militam no futebol nacional. Na entrevista consedida ao @Verdade, o treinador do Ferroviário de Nampula mostrou-se satisfeito com os atletas devido à entrega nos trabalhos que tem vindo a realizar.

Por outro lado, o técnico português precisou ainda que o seu plantel ainda não está fechado, afirmando que ainda serão contratados mais atletas, para reforçar outros sectores também considerados chaves para que a colectividade possa fazer uma boa época de futebol. A fonte frisou ainda que nos próximos dias vai trabalhar nos pormenores tácticos, para avaliar o nível de evolução de cada atleta.

Refira-se que o Ferroviário de Nampula vai iniciar o campeonato com um desafio não menos fácil, pelo que terá que realizar as primeiras seis jornadas fora de portas, em resultado de interdição do seu campo pelos activos de vandalismo perpetrados pelos adeptos, na penúltima jornada do Moçambola 2012.

Informações em poder do nosso jornal, dão conta que, nos jogos caseiros, os locomotivas nampulenses vão recorrer ao campo da cidade de Lichinga e não Quelimane, como vinha sendo anunciado pela direcção deste clube. De referir que esta agendada para o próximo sábado dia 02 de Fevereiro, realização da Assembleia Geral Ordinária, onde dentre vários pontos da agenda, consta a revitalização dos seus órgãos, onde alguns membros de direcção vão ter que perder os seus postos.

Recordar que o Ferroviário de Nampula definiu como meta para a presente época futebolística, a conquista dos tres primeiros lugar da tabela classificativa do campeonato nacional de futebol, e lutar até às últimas consequências na Taça de Moçambique, que a segunda maior prova do desporto-rei no país.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!