Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Federação decide que o representante da zona Norte no Moçambola de 2016 é o Desportivo de Niassa

O conselho jurisdicional da Federação Moçambicana de Futebol (FMF) decidiu por unanimidade “apurar como vencedor da poule de apuramento ao Campeonato nacional de futebol da 1ª divisão, zona norte, edição 2015, o Clube Desportivo de Niassa” e recomendou ao conselho de disciplina a instauração de “processos disciplinares contra os agentes envolvidos nos actos que consubstanciam suborno e atentado à verdade desportiva, sem prejuízo de eventuais acções criminais contra quem se provar ter praticado ilícitos de natureza criminal”.

No dia 27 de Setembro o campo municipal 1º de Maio, na cidade de Lichinga, assistiu a duas goleadas que seriam memoráveis não tivessem acontecido na circunstância das equipas vencedoras estarem empatadas pontualmente na tabela classificativa da poule Norte e um dos critérios de desempate ser o número de golos marcados nos jogos realizados entre si. Porém as equipas do Ferroviário de Pemba e do Ferroviário de Lichinga parece terem entendido que o critério de desempate seria pelo saldo de golos na prova e por isso interessava vencer pelo maior número de golos possível. Os locomotivas da capital de Cabo Delgado golearam a Liga Desportiva de Pemba por 11 a 0 enquanto os seus homónimos da capital do Niassa, que jogaram depois de saberem do resultado do seu adversário directo, marcaram 17 golos contra nenhum da Liga Desportiva de Monapo.

A FMF, já dirigida por Alberto Simango Júnior, decidiu não homologar estas goleadas vergonhosas e marcar uma finalíssima para encontrar o representante da região Norte de Moçambique no Moçambola 2016. Contudo o Ferroviário de Lichinga discordou da direcção executiva da Federação e boicotou a partida agendada para a capital da província de Nampula, como campo neutro.

Entretanto o conselho jurisdicional afirma da sua deliberação, na sequência da sua sessão ordinária realizada a 23 de Novembro em Maputo, que o órgão executivo da Federação antes de agendar a finalíssima deveria ter “ ter procedido à análise da classificação pontual de todas as equipas, uma vez não homologados os jogos nos quais equipas (do Ferroviário de Pemba e do Ferroviário de Lichinga) participaram”.

“Depois de realizada a 5ª jornada e apenas homologado o jogo Desportivo de Niassa vs Sport Monapo e Benfica (1- Nos termos do Comunicado Oficial n° 088/FMF/D/2015, de 27 de Setembro, o Sport Monapo e Benfica, foi punido com a pena de derrota e multa no jogo realizado contra o Clube Desportivo de Niassa), a tabela classificativa mostra-se conforme se segue:

CLUBES J V E D BM BS P
Desportivo de Niassa 5 2 2 1 5 5 8
Ferroviário de Lichinga 5 2 1 2 8 6 7
Ferroviário de Pemba 5 2 1 2 3 2 7
Liga Desportiva de Monapo 5 2 1 2 8 6 7
Sport Monapo e Benfica 5 1 2 2 3 2 5
Liga Desportiva de Pemba 5 0 1 4 2 10 1

 

Ademais, afirma o conselho jurisdicional na sua deliberação publicada pelo jornal Domingo, “isto demonstra que dispensava-se o recurso aos critérios estabelecidos no art. 9° do Regulamento da Poule de Apuramento ao Campeonato Nacional de Futebol da 1 Divisão (Moçambola) da Federação Moçambicana de Futebol, pelo facto de não existirem equipas em igualdade pontual e que estivessem em primeiro lugar”.

Além da definição do vencedor da poule e das recomendações o conselho jurisdicional da Federação Moçambicana de Futebol decidiu “Julgar parcialmente procedente o recurso apresentado pelo Clube Ferroviário de Lichinga”; Manter a não homologação e consequente não validação dos jogos Liga Desportiva de Pemba (00) vs Ferroviário de Pemba (11) e Liga Desportiva de Monapo (00) vs Ferroviário de Lichinga (17), referentes à 5ª jornada da Poule de Apuramento Nacional da 1ª Divisão, edição 2015, realizada no dia 27/09/2015, no campo 1° de Maio, na cidade de Lichinga”; “Homologar e validar o jogo Desportivo de Niassa (00) vs Sport Monapo e Benfica (02), relativa à 5 jornada da Poule de Apuramento Nacional da 1 Divisão, edição 2015, realizada no dia 26/09/2015, no campo 1 de Maio, na cidade de Lichinga”; “Confirmar a derrota do Sport Monapo e Benfica, no jogo realizado contra o Desportivo de Niassa, conforme o Comunicado Oficial n° 088/FMF/D/2015, de 27 de Setembro de 2015”.

Com esta decisão passam para quatro os representantes da zona Norte do Moçambola de 2016 vai ser disputado por 16 equipas, além do Desportivo de Niassa a região é representada pelo pelo Desportivo de Nacala e ainda pelos Ferroviários de Nampula e de Nacala. A zona Centro também tem quatro equipas no Campeonato enquanto as restantes oito equipas representam o Sul de Moçambique, seis das quais a cidade de Maputo.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!