Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Faleceu ex-presidente Frederick Chiluba por doença

Faleceu ex-presidente Frederick Chiluba por doença

O ex-presidente da Zâmbia, Frederick Chiluba, faleceu no último sábado, aos 68 anos de idade, por doença, em Lusaka, anunciou o seu porta-voz, Emmanuel Mwamba, citado pelo jornal estatal zambiano Daily Mail. Segundo a mesma fonte, Frederick Chiluba começou a queixar-se de dor de estômago por voltas das 19h00 de sexta-feira, antes de receber a visita de alguns parlamentares em sua casa, onde foi assistido pelo seu médico.

Apesar de não apontar as causas concretas da morte prematura do ex-chefe de Estado zambiano, a fonte acrescenta que o malogrado padecia de doença cardíaca e de deficiência nos rins, que o obrigava a viajar constantemente para a África do Sul, para consultas médicas.

Frederick Chiluba, nascido aos 30 de Abril de 1943, na aldeia de Musangu, na província de Luapula, governou a República da Zâmbia entre 1991 e 2001 pelo actual partido no poder, o Movimento Multipartidário para a Democracia (MMD), na sequência da sua vitória eleitoral sobre o primeiro presidente zambiano, Kenneth Kaunda. Ele foi eleito presidente do Congresso Nacional dos Trabalhadores Zambianos (ZCTU), em 1987, tendo participado, em 1990, no processo de formação do MMD, partido pelo qual ascendeu à presidência da Zâmbia, nas eleições democráticas de 1991.

Analistas políticos em Lusaka dizem que nos últimos dias, Frederick Chiluba era tido como um dos protagonistas dos apoiantes do MMD e do actual Chefe de Estado zambiano, Rupiah Banda, face as eleições gerais previstas para este ano. Uma fonte afecta à reunião preparatória da sessão do comité ministerial do órgão de cooperação política, defesa e segurança da SADC, prevista para segunda e terça-feira, em Lusaka, assegurou que a morte do ex-estadista zambiano não vai afectar a realização do evento.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!