Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

“Não candidatamos ninguém” reafirma ONP sobre a candidatura de Leopoldo da Costa à CNE

A Presidente da Organização Nacional dos Professores (ONP), Beatriz Muhoro, reafirmou nesta Segunda-feira (29) que a Agremiação que dirige não propôs a candidatura de João Leopoldo da Costa para uma das três vagas reservadas à Sociedade Civil na futura Comissão Nacional de Eleições (CNE). “A presidência que actualmente dirige o Secretariado Nacional não recebeu qualquer pedido de suporte de candidatura para a Comissão Nacional de Eleições do Sr. João Leopoldo da Costa”.

Em Conferência de Imprensa, realizada em Maputo, Beatriz afirmou que só o Conselho Nacional da ONP tem competência para tomar uma decisão semelhante e este não foi consultado enfatizando que não existem contradições no seio da Organização dos Professores. “Não se trata de contradição interna, trata-se sim de insubordinação, inobservância à hierarquia interna e crime de falsificação de identidade”.

“Se o assunto foi tratado por algumas pessoas que são membros da ONP estas não tem competência para o fazer (…) talvez por isso fizeram tudo na clandestinidades”.

Segundo Beatriz Muhuro a ONP enviou uma carta a esclarecer sobre a ilegalidade da candidatura de Leopoldo da Costa à Comissão Ad Doc da Assembleia da República, que está a conduzir o processo de selecção dos membros da Sociedade Civil para a CNE, e porque não houve resposta, passados 14 dias, nesta Segunda-feira uma nova missiva com o mesmo esclarecimento foi enviada à Presidente do Parlamento, Verónica Macamo.

Beatriz Muhuro mostrou-se ainda perplexa com a atitude dos membros do Parlamento que compõem a Comissão Ad Doc “Não estamos a conseguir engolir, porque eles (a Comissão Ad Doc do Parlamento) sabem quem dirige a ONP, como é recebem documentos assinados por uma outra pessoa e simplesmente aceitam”?

“E o pior é aceitarem aquela candidatura e quando são chamados atenção por vocês, órgãos de comunicação social, dizem simplesmente que não temos nada a ver com as divergências da ONP”.

A Presidente da Agremiação de Professores concluiu afirmando que a ONP não tem nada contra a pessoa do Sr. João Leopoldo da Costa porém “o que não queremos é ser utilizados para que pessoas atinjam os seus objectivos obscuros”.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!