Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Estado vende as suas acções na PETROMOC

Já está concluído o processo de venda dos 20% de acções que o Estado moçambicano detinha na companhia PETROMOC a favor dos Gestores, Técnicos e Trabalhadores (GTTs) da Petróleos de Moçambique.

A medida resultou num incremento em cerca de 92,25% das receitas geradas pelo Instituto de Gestão das Participações do Estado (IGEPE), para 424,82 milhões de meticais, em 2011.

Esta variação positiva de receitas ficou também a dever-se ao aumento do nível de receitas de dividendos do Banco Internacional de Moçambique (BIM), mCel e Companhia Moçambicana dos Hidrocarbonetos (CMH).

Fonte adequada do IGEPE indicou, esta Terça-feira (10), que a PETROMOC está a ser objecto de um processo de saneamento de participações não estratégicas da sociedade como forma de a firma passar a concentrar os seus esforços no core business (negócio principal).

A empresa acaba, entretanto, de assinar com a Empresa Nacional dos Hidrocarbonetos (ENH) um acordo para prospecção e pesquisa do petróleo e gás e de adquirir 40% da participação do IGEPE na AUTOGAS para a produção do etanol e uso das suas infraestruturas para trânsito deste recurso para a África do Sul e exploração do mercado regional da África Austral.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!