Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Esperados mais 4500 novos postos laborais em Nacala e Beluluane

Mais 4500 novos postos de trabalho deverão ser gerados nos próximos 10 anos por 11 novas propostas de investimento aprovadas pelo Governo, em 2009, a serem implementadas nas zonas francas de Nacala, em Nampula, e Beluluane, na província meridional de Maputo.

As propostas estão avaliadas em cerca de 200 milhões de dólares norte-americanos e são dos ramos da Indústria, Construção, Turismo, Agricultura e Transportes e Comunicações, segundo o Ministério da Planificação e Desenvolvimento (MPD), realçando que o seu desenvolvimento insere-se nos esforços para “um maior aproveitamento do potencial económico existente naquelas regiões servidas pelos portos de Maputo e Nacala para transacções comerciais internas e dos países do hinterland”.

É dentro deste espírito que um estudo visando a prospecção de mais projectos nas mesmas zonas está em curso, segundo igualmente o MPD que não especifica o tipo de empreendimentos a serem explorados. Refira-se, entretanto, que as zonas francas moçambicanas beneficiam de isenção do pagamento de alguns impostos na importação e exportação de materiais de construção, máquinas, equipamentos e acessórios.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!