Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

https://www.petromoc.co.mz/Lubrificantes.htmlhttps://www.petromoc.co.mz/Lubrificantes.htmlhttps://www.petromoc.co.mz/Lubrificantes.html
ADVERTISEMENT

Escolas e plataformas educacionais devem ter acesso grátis à internet durante o Estado de Emergência

incm-operadorestele

Durante a vigência do Estado de Emergência em Moçambique todos os provedores de internet, incluindo as operadoras de telefonia móvel, devem “garantir, de forma gratuita, o acesso à internet” às escolas e plataformas educacionais.

Por Redacção

Ao abrigo do dever de colaboração plasmado na Lei nº 1/2020, as operadoras de telecomunicações são chamadas a apoiar a debelar ou minimizar o impacto da covid-19 com base na tecnologia aplicada nas respectivas redes de telecomunicações e por isso o Instituto Nacional de Comunicações de Moçambique (INCM) determinou que devem “garantir, de forma gratuita, o acesso à internet às plataformas educacionais e os sites das instituições de ensino a nível nacional”.

A decisão da Autoridade Reguladora do sector está em vigor desde o passado mês de Abril e dura enquanto vigorar o Estado de Emergência como medida de prevenção da propagação do novo coronavírus em Moçambique.

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: Content is protected !!