Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

https://www.petromoc.co.mz/Lubrificantes.htmlhttps://www.petromoc.co.mz/Lubrificantes.htmlhttps://www.petromoc.co.mz/Lubrificantes.html
Publicidade

Escolas e plataformas educacionais devem ter acesso grátis à internet durante o Estado de Emergência

incm-operadorestele

Durante a vigência do Estado de Emergência em Moçambique todos os provedores de internet, incluindo as operadoras de telefonia móvel, devem “garantir, de forma gratuita, o acesso à internet” às escolas e plataformas educacionais.

Por Redacção

Ao abrigo do dever de colaboração plasmado na Lei nº 1/2020, as operadoras de telecomunicações são chamadas a apoiar a debelar ou minimizar o impacto da covid-19 com base na tecnologia aplicada nas respectivas redes de telecomunicações e por isso o Instituto Nacional de Comunicações de Moçambique (INCM) determinou que devem “garantir, de forma gratuita, o acesso à internet às plataformas educacionais e os sites das instituições de ensino a nível nacional”.

A decisão da Autoridade Reguladora do sector está em vigor desde o passado mês de Abril e dura enquanto vigorar o Estado de Emergência como medida de prevenção da propagação do novo coronavírus em Moçambique.

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: Content is protected !!