Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

https://www.petromoc.co.mz/Lubrificantes.htmlhttps://www.petromoc.co.mz/Lubrificantes.htmlhttps://www.petromoc.co.mz/Lubrificantes.html
Publicidade

Erosão ameaça “engolir” quatro distritos da província de Tete

Mais de 60 mil pessoas estão a ser ameaçadas pela erosão em quatro distritos da província de Tete, no centro de Moçambique. Trata-se dos residentes das sedes dos distritos de Mágoe, Moatize, Changara e Chifunde, incluindo os postos administrativos de Mucumbura e Zóbwe nos dois últimos distritos.

O director provincial para a Coordenação da Acção Ambiental em Tete, Filipe Duarte, citado pela Rádio Moçambique, estação pública, disse que a outra parte da população ameaçada está na localidade de Samboa, em Zóbwe, no distrito de Moatize.

Filipe Duarte explicou que além de arrazina, existe o alagamento de alguns rios, perigando assim a vida das pessoas.

Duarte disse que neste momento decorre uma campanha de sensibilização das pessoas para aderirem ao projecto de plantio de árvores para protecção.

Outro trabalho em curso é a capacitação das pessoas em matéria relacionada com as técnicas de ordenamento territorial nas zonas propensas.

Duarte Salientou que a solução do problema da erosão que ameaça alguns distritos de Tete ultrapassa as capacidades da direcção provincial da acção ambiental.

Para consubstanciar o seu posicionamento, o interlocutor disse que a solução para a erosão que assola a sede distrital de Chifunde exige mais de 24 milhões de meticais (902.3 mil dólares norte-americanos), recursos que serão aplicados na construção de gaviões e plantio de árvores próprias de protecção.

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: Content is protected !!