Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Equipa de futebol suspensa sete anos por morte de oito pessoas no Senegal

Julgada responsável pelos incidentes que fizeram oito mortos, a 15 de julho passado, no estádio Demba Diop de Dakar, no Senegal, o Union Sportive de Ouakam (USO), da Primeira Divisão, obteve uma suspensão de sete anos de todas as competições nacionais e deverá pagar uma multa de 10 milhões de francos CFA, decidiu a Comissão de Disciplina da Liga Senegalesa de Futebol Profissional (LSFP).

Além disso, ao fim da sua suspensão em sete anos, o USO deverá evoluir na quinta divisão. A Comissão de Disciplina da LSFP considerou que os adeptos do USO foram os principais responsáveis pelos confrontos com os do Stade de Mbour, cidade situada a cerca de 80 quilómetros de Dakar, durante a final da Taça da Liga que opunha as duas formações.

Com efeito, para tentar escapar aos arremessos de projécteis dos adeptos do USO depois de a sua equipa sofrer um segundo golo que era sinónimo de derrota, os do Stade de Mbour refugiaram-se numa parte da tribuna cuja pared cedeu à pressão, causando oito mortos e cerca de 100 feridos.

Este incidente provocou uma grande emoção no país, levando o Presidente da República a pedir a abertura de um inquérito e sanções severas contra os responsáveis.

Julgando a sanção da LSFP “pesada e desproporcional”, os responsáveis do USO decidiram interpor recurso.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!