Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Epizootia de peste suína dizima mais de 90 porcento de gado no nordeste da RD Congo

Cerca de 90 porcento do gado do distrito de Haut-Uéle , no nordeste da República Democrática do Congo (RDC) por uma epizootia da Peste Suína Africana (PPA), desde Maio último, anuncia um comunicado do Escritório das Nações Unidas para a Coordenação dos Assuntos Humanitários (OCHA) transmitido, esta Quinta-feira.

Segundo o OCHA, a declaração da PPA pode envenenar a situação já precária de segurança alimentar e de crise de meios de subsistência nesta parte da Província Oriental da RDC.

Em Junho último, as análises nacionais de classificação das fases de segurança alimentar (IPC) classificaram três zonas, nomeadamente Dungu, Niangara e Wamba das cinco afectadas e em situação de crise alimentar aguda, mencionou.

Além das três acima enumeradas, as restantes zonas afectadas pela PPA são Rungu e Watsa no distrito de Haut-Uélé, sacudido pela segunda vez, em menos de três anos, por esta epizootia. A peste suína africana é uma doença hemorrágica viral dos porcos geralmente caracterizada por taxas de morbidez e de mortalidade elevadas nestes animais, indica-se.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!