Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Enrique Iglesias é o maior vencedor da 15ª edição do Grammy Latino

O cantor espanhol Enrique Iglesias foi quem saiu com o maior número de troféus na 15ª edição do Grammy Latino, ao ser premiado em três categorias, na cerimónia que aconteceu nesta quinta-feira no hotel e casino MGM de Las Vegas, nos Estados Unidos.

Iglesias, que não compareceu à cerimónia por estar em Paris, levou todos os prémios com a canção “Bailando” e os compartilhou com os cubanos dos grupos Descemer Bueno & Gente De Zona, que colaboraram com ele nessa música. “Bailando” venceu nas categorias Melhor Canção do Ano, Melhor Canção Urbana e Melhor Interpretação Urbana do Ano.

Também saíram com vários prémios os porto-riquenhos do Calle 13, o uruguaio Jorge Drexler, o colombiano Carlos Vives e o falecido violonista espanhol Paco de Lucía.

O grupo Calle 13 levou a categoria de Melhor Álbum de Música Urbana com “Multiviral” e Melhor Canção Alternativa com o tema “El Aguante”.

Jorge Drexler ganhou nas categorias Melhor Gravação do Ano por “Universos Paralelos” e Melhor Disco de Cantor por “Bailar en la Cueva”. Carlos Vives se impôs com “Más + Corazón Profundo”, como Melhor Álbum Tropical Contemporâneo, e com “Cuando Nos Volvamos a Encontrar” como Melhor Canção Tropical. Paco de Lucía, que morreu em fevereiro no México, foi reconhecido com o prémio de Melhor Álbum do Ano e Melhor Álbum de Flamenco com “Canción Andaluza”.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!