Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Empresas poupam mais de 10 milhoes USD

O assessor económico da Confederação das Associações Económicas de Moçambique (CTA), Eduardo Macuácua, defende que as reformas introduzidas pelo Governo nos últimos dez anos permitiram as empresas fazerem poupanças significativas e reduzir os custos de produção. A título de exemplo, as reformas no sistema fiscal permitiram, ao sector privado, poupar cerca de 10 milhões de dólares norte-americanos (USD).

 

 

Macuácua frisou que as empresas do sector do turismo são as que pouparam mais devido a eliminação do Imposto sobre o Valor Acrescentado (IVA) nos respectivos projectos de investimento.

Assim, considera importante que o país realize mais reformas, porque produzem resultados com impacto significativo no funcionamento das empresas nacionais e não só.

No rol das reformas e com objectivo de tornar a agricultura mais competitiva, em Fevereiro último, o Conselho de Ministros aprovou o decreto que altera as tarifas de energia eléctrica para os produtores agrários estabelecidos em regadios e que dependem dos sistemas de rega cujo funcionamento requer o consumo de energia eléctrica.

Deste modo, estes produtores passaram a pagar apenas o consumo da corrente, deixando de o fazer em termos de potência.

“A redução de 10 por cento da tarifa de energia para agricultura permitiu as empresas agrícolas reduzirem os gastos em mais de 150 mil USD em seis meses. Por isso, consideramos que é preciso o país continuar a fazer reformas porque trazem resultados com impacto real”, defendeu.

De referir que Macuácua fez estes pronunciamentos durante 12ª Conferência Anual do Sector Privado, realizada na última terça-feira, em Maputo, na qual apresentou um estudo sobre o Diálogo Público Privado nos últimos 10 anos.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!