Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Duas pessoas morrem na inauguração do maior templo da IURD em África

Duas pessoas morreram asfixiadas este domingo no templo da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), na 24 de Julho, na cidade do Maputo, quando tentavam entrar para assistir à missa dirigida pelo bispo daquela congregação, Edir Macedo.

Os os corpos dos finados foram removidos momentos depois por uma equipa do Serviço Nacional de Salvação Pública (SENSAP) para a morgue do Hospital Central do Maputo. Até então, os corpos ainda não tinham sido reclamados pelos respectivos familiares.

O edifício inaugurado é considerado o maior templo da IURD em África, com capacidade para acolher, de uma só vez, mais de três mil crentes. Não obstante essa capacidade, estima-se que tenham acorrido ao local mais de 10 mil pessoas, o que contribuiu para a agitação no momento de entrada, resultando na morte das duas pessoas e ocorrência de desmaios em número não especificado.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!