Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Doze mortos em inundações no Níger

Doze pessoas morreram nas últimas inundações registadas no Níger na sequência de fortes precipitações em seis províncias (Dosso, Maradi, Tahoua, Tillabéry, Zinder, Niamey), indicou quinta-feira a Célula de Coordenação Humanitária (CCH).

Segundo a CCH, estas inundações causaram quatro mil 450 famílias sinistradas e quatro mil 425 casas desabadas para 27 mil 293 pessoas sinistradas. As províncias de Tillabéry e Dosso (oeste do país) estão mais afetadas. As margens do rio Komadougou Yobé (leste do país) continuam baixas em relação à costa de alerta, refere a CCH, notando porém que se observa poços muito cheios nas províncias de Tillabéry, Dosso e Tahoua.

Estas inundações, explica, foram agravadas pelo estado dos solos e pela instalação das famílias em zonas inundáveis (casos de Dantchandou, Karma Zarma). Além disso, foram registados danos consideráveis nas infraestruturas sociais básicas com a destruição de 10 poços, três mesquitas e duas salas de aula, para além da inundação de 256 campos de dois mil 99 hectares de culturas pluviais e 79 jardins soterrados.

O Estado, com o apoio da Organização Internacional das Migrações (OIM) e do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), concedeu uma assistência alimentar e não alimentar a duas mil 227 famílias sinistradas, o que permitiu alimenta-los durante um mês, faltando cobrir as necessidades de duas mil 223 famílias sinistradas.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!