Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Dois cidadãos mantidos em cárcere privado na capital do país

Dois cidadãos nacionais foram, no dia 23 de Agosto passado, mantidos em cárcere privado por algumas horas, na cidade de Maputo, por indivíduos desconhecidos que se faziam transportar numa viatura de marca Toyota Pajero. A Polícia presume que as vítimas sejam membros da mesma família.

Os criminosos, que continuam em parte incerta, liberaram os aprisionados sem cobrarem algum dinheiro. O porta-voz do Comando da Polícia da República de Moçambique (PRM) na cidade de Maputo, Arnaldo Chefo, disse que a corporação está a fazer diligências para neutralizar os malfeitores.

Em relação à cancelada manifestação e à greve comercial da Comunidade Muçulmana, Chefo disse que a falta de informação sobre o trabalho feito pela Polícia é que teria originado a situação.

Reconheceu que nos últimos tempos o país, sobretudo a cidade de Maputo, tem sido assolado por uma onda de raptos e sequestros, mas há um trabalho em curso para contornar o fenómeno que atenta contra a ordem, segurança e tranquilidade públicas.

Quanto ao balanço das ocorrências semanais, a PRM deteve 78 indivíduos por prática de diversos crimes, dos quais 49 contra propriedades, 25 contra pessoas e quatro contra ordem, segurança e tranquilidade públicas.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!