Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Diário da campanha eleitoral: no 10º dia, à tarde, Bico esteve com empresários e Araújo fez passeata

Diário da campanha eleitoral: no 10º dia

O período da tarde do segundo dia de campanha ficou marcado por duas estratégias de comunicação que parecem cada vez mais antagónicas: Abubacar Bico reuniu-se com empresários e Manuel de Araújo voltou a fazer uma passeata, mas desta vez com motoqueiros, ciclistas e uma fila de carros.

A passeata de Manuel de Araújo devia ter saído da sede do MDM por volta das 14horas, mas foi interrompida por causa da chegada de Daviz Simango ao município de Quelimane, local onde vai alojar-se até o final do processo de votação.

Porém, quando indicava que a passeata só poderia seguir no dia seguinte, já por volta das 17horas, Manuel de Araújo dirigiu-se a sede do seu partido para dar seguimento àquilo que intitulou, na manhã de hoje, em frente ao edifício do Governo provincial, “de marcha da indignação”.

Por seu turno, Lourenço Abubacar reuniu-se no seu estabelecimento hoteleiro para ouvir os empresários locais, com destaque para a figura do presidente da Federação Moçambicana de Futebol, Faizel Sidat, que falou sobre a importância de relvar o campo municipal de Quelimane.

“Não custa pôr relva sintética naquele campo. A Zambézia precisa de uma infra-estrutura de grande envergadura”, referiu. Para depois ajuntar que Bico tem todo o seu apoio.

Um empresário jovem da província da Zambézia, o qual se apresentou como Dinho Puro apelou aos homens de negócio “mais velhos” a juntarem-se aos jovens para transmitir experiências e, por outro lado, pediu apoio à iniciativa juvenil. No mesmo encontro falou-se também da situação das estradas e do problema de transporte. Em resposta, Bico pediu apoio dos empresários e falou de colaboração para a resolução dos problemas do município de Quelimane. José Pacheco, moderador do encontro, abordou a necessidade “de esquecer querelas” deixar de lado o questionamento em relação ao afastamento de Pio Matos. “Isto é a Frelimo. Nós somos uma equipa. No futebol, por exemplo, quando um jogador é substituído para ser ovacionado pelo público e sempre em benefício da equipa”.

“Pio Matos é da Frelimo, Bico é da Frelimo. Apenas substituímos um jogador por outro da mesma equipa. Não deve haver polémica por isso”, disse.

“Votem em Bico e digam aos vossos trabalhadores para fazerem o mesmo”, acrescentou.

No final do encontro, os empresários convidados prometeram todo apoio ao candidato da Frelimo.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!