Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Dhlakama diz que se perder não vai se candidatar mais

O líder da Renamo e candidato as eleições presidenciais, Afonso Dhlakama, diz que não vai se candidatar mais caso perca as eleições do próximo dia 28 de Outubro. Dhlakama, que falava em Tete, no âmbito da campanha eleitoral, foi a ponto de apelar ao eleitorado para não votar nele em 2014, na eventualidade de se recandidatar, se sair derrotado nas eleições da próxima semana. Dhlakama, que falava em Dómuè, distrito de Angónia, província central de Tete, explicou que a recandidatura em 2014 depende da sua vitória nas eleições gerais da próxima semana.

“Caso contrário, nunca mais”, disse, citado pelo jornal “Noticias”. Afonso Dhlakama concorre agora pela quarta vez às presidenciais, depois de ter sido derrotado duas vezes por Joaquim Chissano (1994 e 1999) e uma vez por Armando Guebuza (2004), ambos da Frelimo, partido no poder.

telinforma 23.10.09 pag.3 Vezes sem conta, Dhlakama tem se vangloriado considerando-se “pai” da democracia e “responsável” pela manutenção da paz e tranquilidade no país. Ele diz que caso vença as eleições da próxima semana tudo fará para separar os poderes Executivo do Judicial, Executivo do Legislativo, construindo bases para um Estado “verdadeiramente democrático”

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!