Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Deputados da Renamo negam estar a contrariar Dhlakama

Os deputados da Renamo, maior partido da oposição em Moçambique, que hoje tomaram posse na Assembleia Provincial de Maputo desmentem que Afonso Dhlakama, líder do partido, tivesse proibido os membros eleitos de serem investidos.

Falando em nome dos únicos cinco membros desta força política representados na Assembleia Provincial de Maputo, Mateus Tomo disse que Dhlakama não emitiu nenhuma proibição que priva os quadros do partido eleitos para as assembleias provinciais de tomar posse. “Em nenhum momento o presidente Dhlakama disse que os deputados eleitos para as assembleias provinciais não deveriam tomar posse”, disse Tomo, acrescentando que ao se juntarem a investidura não estavam a contrariar as declarações do líder da Renamo.

Afonso Dhlakama disse recentemente que os deputados eleitos da Renamo não iriam tomar posse, em protesto contra a alegada fraude que, segundo ele, teria havido nas eleições gerais de 28 de Outubro último, que reconduziram Armando Guebuza a presidência do país. Embora não tenha especificado se seriam os deputados eleitos para a Assembleia da República (AR), o parlamento moçambicano, ou então as Assembleias Provinciais, o facto de Dhlakama ter usado o termo “deputados” pode ser interpretado como estando a se referir dos deputados da AR, já que, legalmente, os eleitos para as assembleias provinciais têm a designação de “membros da Assembleia Provincial”.

Na investidura havida em Maputo, os cinco deputados da Renamo tomaram posse e tendo inclusive Albertina Matavele, membro da Assembleia Provincial pela Renamo, sido eleita para o cargo de segunda vice-presidente. Tomo disse, por outro lado, esperar encontrar um bom ambiente de trabalho, assim como prestar um valioso contributo na actividade de fiscalização das actividades do Executivo Provincial, para melhorar o seu desempenho com vista ao desenvolvimento do país.

A tomada de posse dos deputados da Assembleia Provincial contou com a presença da Governadora da Província de Maputo, Telmina Pereira, o Ministro para Assuntos dos Antigos Combatentes, Feliciano Gundana, o Juiz Presidente Provincial, Custódio Djedje, entre outras individualidades.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!