Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Deputado raptado no leste da Líbia

Um membro da Câmara dos Representantes Líbios (o Parlamento), Mohamed Al-Raied, foi raptado esta quarta-feira por um grupo de milicianos em Tobrouk (leste) quando se deslocava ao aeroporto para embarcar para Tripoli, a capital do país.

Segundo uma fonte oficial, os milicianos querem trocar o deputado Al-Raied por um detido em Misrata, a 220 quilómetros a leste de Tripoli, indicaram fontes militares.

A vítima conseguiu telefonar a vários colegas a fim de lhes informar sobre o sucedido e garantindo-lhes que não ficou ferido. Dignitários locais estão agora em contacto com os raptores, tentando obter a liberdade do parlamentar, indicam fontes locais.

Al-Raied, que boicotava os trabalhos da Câmara dos Representantes, foi segunda-feira última a Tobrouk, com nove outras pessoas, para se juntar ao Parlamento e votar a favor do Acordo Político Líbio patrocinado pelas Nações Unidas. Os outros antigos adeptos do boicote, que se deslocaram a Tobrouk, estão todos sãos e salvos.

Os membros do Parlamento exprimiram a sua indignação, mas sublinharam que o rapto não tem nada a ver com o processo político.

O presidente do Conselho Presidencial do Governo de União Nacional, Fayaz Al-Sarraj, anunciou, terça-feira última, trabalhar no sentido da formação do Governo a pedido do Parlamento de reduzir o número de ministérios, num prazo de 10 dias, na sequência da rejeição pelos deputados da lista de 32 ministérios propostos.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!