Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

https://www.petromoc.co.mz/Lubrificantes.htmlhttps://www.petromoc.co.mz/Lubrificantes.htmlhttps://www.petromoc.co.mz/Lubrificantes.html
ADVERTISEMENT

Cornelder vacina trabalhadores na Província de Sofala

vacinacao-cornelder

Numa iniciativa que envolve 500 mil doses de vacinas, a Cornelder de Moçambique, concessionária dos terminais de contentores e de carga geral do Porto da Beira, tornou-se a primeira empresa a iniciar, na terça-feira, 20 de Julho, a vacinação dos seus trabalhadores na província de Sofala, contra a Covid-19, no âmbito da iniciativa UNIVAX.

A vacinação, que decorre até ao dia 26 do corrente mês, inclui os familiares directos dos colaboradores, bem como os funcionários de algumas instituições parceiras da Cornelder, nomeadamente do Posto Fitossanitário, dos Serviços de Migração, agentes da 10ª Esquadra da PRM, entre outros, que desempenham um papel preponderante no desenvolvimento da actividade portuária.

A imunização, através da vacina Vero Cell, da Sinopharm, adquirida no âmbito da iniciativa do sector privado UNIVAX, enquadra-se na campanha de prevenção e combate contra a Covid-19, inserida nas acções de responsabilidade social corporativa.

O administrador delegado da Cornelder de Moçambique, Jan Laurens de Vries destacou o mérito da iniciativa do sector empresarial nacional que permitiu a aquisição recente de 500 mil doses de vacina para imunizar os seus colaboradores, das quais 139 mil foram oferecidas ao Ministério da Saúde.

A Cornelder de Moçambique, parte da iniciativa, adquiriu vacinas para imunizar 6 mil pessoas, com destaque para 700 trabalhadores da empresa, sendo que as restantes destinam-se à inoculação dos familiares dos seus trabalhadores, entidades parceiras e uma parte para serviços sociais a cargo do sector de saúde.

“Temos de fazer tudo para parar esta doença. A Covid-19 está a custar vidas e o desenvolvimento económico. É importante que façamos de tudo para travar essa pandemia. A vacina não só ajuda a protecção pessoal, mas também a cortar o ciclo de propagação da doença”, afirmou Jan Laurens de Vries.

A campanha de vacinação está a decorrer em dois postos, no recinto portuário da Beira e no Clube de Golfe, na Ponta-Gêa. Com a vacinação, a cargo dos Serviços Provinciais de Saúde de Sofala, pretende-se proteger os colaboradores contra a Covid-19, evitando a sua hospitalização e morte, bem como aliviar a pressão sobre o Sistema Nacional de Saúde, permitindo uma transição mais segura ao novo normal.

Neusa Joel, directora dos serviços de Saúde na Beira disse que foram destacados 25 profissionais de saúde repartidos em 5 equipas, 3 das quais estão a operar no posto aberto no Clube de Golfe e as outras 2 no recinto portuário. A vacinação da primeira dose decorre de hoje até o próximo dia 26, e a segunda inicia após o intervalo de 21 dias.

“O processo praticamente começou há uma semana com a mobilização dos potenciais beneficiários. A vacina é segura, e convidamos todos aqueles que têm essa oportunidade de receber a vacina para que se dirijam aos postos de vacinação”, concluiu.

Importa realçar que outras entidades privadas juntaram-se a esta iniciativa, tais como a Técnica Industrial (Grupo JFS), Beira Grain Terminal, Kudumba, Nectar Coal, Nectar Mozambique, entre outros.

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

error: Content is protected !!